Ambientação
Por cerca de 10 anos o Mundo Bruxo Britânico esteve sob a regenência de um governo ditador que, chantageado pelo intitulado Lorde K., o Lorde das Trevas, tomou algumas medidas drásticas para tirar o poder das mãos de famílias que já estavam há muito tempo na chefia das instituições bruxas. Bruxos foram perseguidos, presos, punidos.. Outros simplesmente desapareceram.

O Ministério da Magia, que a cada dia possuia novas regras para a população, sequer explicava para a sociedade o motivo daquilo. Parte da população bruxa apoiava tais medidas, querendo assim ver as famílias bruxas mais influentes finalmente fora do poder. Outra parte, formada principalmente pelas famílias atacadas, tentava resistir às ordens do Ministério. Hogwarts parecia treinar um exército. Famílias estavam fugindo. Os comércios estavam falindo. A sociedade bruxa britânica estava sucumbindo.

Anos se passaram, até que um grupo intitulado Lavender, formado inicialmente por mulheres das famílias perseguidas, surgiu com o apoio de muitos outros bruxos e ajudou a revelar toda a verdade da história. O Lorde K. não mais comandava a Irmandade e estava desaparecido. Seus próprios seguidores o haviam destituído de seu posto e assumido seu nome como um codinome para esconder o novo grupo, que almejava acabar com as famílias poderosas do mundo bruxo. Como se não bastasse, descobre-se ainda que uma Superior do Ministério e a Diretora de Hogwarts estavam por trás dos planos desse novo grupo, uma, por ter sido chantageada, a outra, por pura sede de vingança contra aqueles que um dia arruinaram sua própria família. Os grupos entraram em guerra.

Bruxos foram mortos de ambos os lados, mas por fim, o lado das trevas foi derrotado, capturado e mandado à Azkaban, que agora tem sua segurança mais que reforçada. As instituições estão sob novas direções. Famílias refugiadas retornam à seus lares. Os comércios tornam a ganhar freguesia com os bruxos finalmente andando sem grandes preocupações nas ruas. O que resta aos bruxos é recomeçar e crer que os tempos de paz e segurança irão durar.
Data on
Ano: 2031
Mês: Junho
Novidades

04/04 Fiscalização de habilidade aberta!
Links Rápidos

Últimos assuntos
» [RP Fechada] Work Hard
Ato 00: Mudança de Planos EmptyDom 31 Mar 2019 - 11:56 por Luthor Le Fleur

» [RP] Noite de Ano Novo
Ato 00: Mudança de Planos EmptySab 23 Mar 2019 - 10:48 por Narrador

» Votações - Awards da depressão
Ato 00: Mudança de Planos EmptyQui 21 Fev 2019 - 10:05 por Danorum

» [RP Fechada] Working
Ato 00: Mudança de Planos EmptySex 1 Fev 2019 - 23:19 por Kieran Lewis Schwingel

» [RP] Half a truth is often a great lie
Ato 00: Mudança de Planos EmptyQua 30 Jan 2019 - 22:01 por Joshua B. Connington

» [RP] Ofícios.
Ato 00: Mudança de Planos EmptyQua 30 Jan 2019 - 22:00 por Max Peregrinne Bianchi

» [RP] So what?
Ato 00: Mudança de Planos EmptyQua 30 Jan 2019 - 21:35 por Annelise Kinsky

» [RP Fechada] Obliviate The Muggles
Ato 00: Mudança de Planos EmptyQua 23 Jan 2019 - 22:21 por Kieran Lewis Schwingel

» Votações - Especial de virada de ano!
Ato 00: Mudança de Planos EmptyQua 16 Jan 2019 - 15:26 por Danorum

» Arquivos Awards
Ato 00: Mudança de Planos EmptyQua 16 Jan 2019 - 15:20 por Danorum

Staff
Narrador
Danorum
Tétis
Sarff
Vênus
Scribe
Copa das Casas
CORVINAL
75
GRIFINÓRIA
153
LUFA-LUFA
205
SONSERINA
105
Awards
Edward Bianchi
Postador The Flash
Dylan Cartwright
Aluno Destaque
Annelise Kinsky
Salvadora da Pátria
Pietro Fourrié
Senhor Encrenca
Edwin & Noah
Casal Diabetes
Brahms Cartwright
Adulto Nada Exemplar
Candice Bringstrow
Bruxa mais Desejada
Isaac Fourrié
Bruxo mais Desejado
Shut Your Fucking Mouth
Melhor RP
Parceiros
Créditos
Todo conteúdo contém exclusivamente seus criadores, quaisquer retiradas devem ser creditadas. Este fórum é a terceira geração que se iniciou no Aresto Momentum e depois se tornou Potterhead, seguindo algumas de suas ideologias, sistemas e projetos. Este RPG é feito em nome do PH e toda sua colaboração para o mundo Rpgista Potteriano. Skin feita por Hardrock de Captain Knows Best e adaptada por Danorum e Ohen.

Licença Creative Commons

Ato 00: Mudança de Planos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Ato 00: Mudança de Planos Empty Ato 00: Mudança de Planos

Mensagem por Narrador em Sex 4 Set 2015 - 9:26

Título: Mudança de Planos
RP Fechada ou Aberta? Fechada
Local: Sala de Reuniões
Restrição: Apenas para membros da Irmandade das Trevas
Envolvidos: A Irmandade das Trevas
Data: 20 de agosto de 2015
Hora: 16:00


Última edição por Narrador em Sex 4 Set 2015 - 9:55, editado 1 vez(es)
Narrador
Narrador
Data de inscrição :
12/05/2013

Mensagens :
206

Idade :
519


RPG » Administrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 00: Mudança de Planos Empty Re: Ato 00: Mudança de Planos

Mensagem por Narrador em Sex 4 Set 2015 - 9:53

ato 00: mudança de planos


Já faz algum tempo que a comunidade bruxa está em paz. Bruxos das trevas recebendo seus "almejados" beijos em Azkaban, o líder deles desaparecido e o Ministério da Magia sentindo o doce sabor de uma administração de sucesso. Hogwarts e seus queridos alunos também desfrutavam da paz que o mundo proporciona nesse momento. Comerciantes agora estão confiantes em reiniciar seus negócios, empreendedores abrem novas lojas e os bruxos já se sentem à vontade para andarilhar pelo Beco Diagonal ou pelas ruas de Hogsmeade em segurança.

Entretanto a tão amada paz começa a ser ameaçada. O líder da Irmandade das Trevas está de volta e quer reunir seus mais leais suditos e o mais leais são os que restaram e os que restaram são os infiltrados, os que estão inseridos nos quadros de funcionários de inúmeras importantes instituições bruxas.

Lorde K não perde tempo.
Narrador
Narrador
Data de inscrição :
12/05/2013

Mensagens :
206

Idade :
519


RPG » Administrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 00: Mudança de Planos Empty Re: Ato 00: Mudança de Planos

Mensagem por Sheldon Killer Cavendish em Dom 6 Set 2015 - 16:17

venham os fiéis e morram os incompetentes
I
núteis. Eu estava rodeado de inúteis desprezíveis que tinham a audácia de se dizerem fiéis. Os malditos executaram a missão mais fácil da história da maneira mais errada possível e acabaram em Azkaban beijando dementadores. Fracassados. Minha mente genial, para consertar a baboseira feita por meus outrora vivos, entretanto para toda eternidade incompetentes servos, traçou um desvio do antigo plano que deixaria as coisas, no mínimo, mais interessantes. Mais trabalhosas também, sem sombra de dúvidas, mas incrivelmente mais ativas.

Interessante. A temporada na Romênia resolvendo problemas no castelo Cavendish foi a desculpa perfeita para que eu me distanciasse de Londres enquanto toda a falácia sobre paz e fim derradeiro dos bruxos das trevas se fazia mais forte para que as atividades secretas da Irmandade fossem sendo exercidas sem levantar muitas suspeitas.

Ódio. Era ódio que tomava meu ser quando tive de colocar a risco por inaptidão de mortos. Cólera me abraçou quando Harvest e Hills trouxeram-me as notícias pela última vez antes de eu mata-los e acabar de vez com a incompetência dos dois. Não, eu não tenho dó. Uma série de Reducto resolveu o problema dos cadáveres. Ergui a manga esquerda de minha veste e expus a imagem viva de uma serpente se projetando para fora da cavidade bucal de uma mortífera caveira, a imagem aterradora da Marca Negra, a marca adotada por Lord Voldemort, minha digníssima inspiração, e que agora era a representação do terror implantado pela minha organização, a Irmandade das Trevas. Toquei nela com minha varinha para assim convocar a todos os restantes comensais diretamente para o grande salão de reuniões de nosso refúgio.

Tédio. Minha expressão expressava nada mais que tédio. Um a um os poucos foram surgindo em meio aos rastros de fumaça de negra. Levantei de meu trono austero e, agora, com puro furor no olhar.

“INÚTEIS!” Gritei. “Minha vontade agora é de matar cada um de vocês.” Disse eu raivosamente e lentamente entre os dentes. “Vocês deveriam apenas fazer o que eu mandei, não terem trazido paz à comunidade bruxa.” Olhei mortalmente para cada um deles. “Vocês têm sorte de terem um lorde tão inteligente e misericordioso...”

“Milorde...”

“AVADA KEDAVRA!” E a rajada esverdeada atingiu Davenport diretamente no peito o arremessando a uns dois metros de onde ele estava. Fui até seu cadáver, abaixei-me até seus ouvidos e sussurrei friamente. “Nunca... mais... ouse... me... interromper.” Levantei e apontei a varinha ao corpo morto. “CONFRINGO!” Em algo como pó o defunto se transformou. Voltei minha atenção aos demais, que olhavam uns para o chão, aterrados, outros para o ar, sorrindo como se aquilo fosse um espetáculo. “Mais alguém pretende me interromper?” Silêncio se fez.

“Viper, quero todas as informações possíveis e impossíveis que podemos usar contra o Ministério. Creio que as esposas podem nos revelar pérolas muito úteis. Divirta-se e não falhe.” Soltei minha primeira ordem. “Vertigo, vou falar uma vez só, pois não quero ter que repetir minhas ordens. Quero você em Hogwarts e quero já.” Fixei meu olhar mais perverso nos olhos do homem. “Lady, vigie cada centímetro do Ministério. Quero todos os níveis cobertos. Todos. Se aproxime do Ministro. Providenciarei as circunstâncias para que a aproximação seja possível, mas quero que faça sua parte e seja promovida a uma posição em que você possa ter contato direto com ele.” Girei em meus calcanhares e voltei até meu trono para esperar que algum deles me desse alguma boa notícia. “Fiquei muito tempo longe de Londres, quero me atualizar.”


Sheldon Killer Cavendish
Sheldon Killer Cavendish
Data de inscrição :
03/06/2013

Mensagens :
16

Idade :
46


Ficha do Personagem
Patrono: Formigas Correição
Ano Escolar: Concluído
Casa: Lufa-lufa
RPG » Adulto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 00: Mudança de Planos Empty Re: Ato 00: Mudança de Planos

Mensagem por Anastasia Kinsky em Qui 17 Set 2015 - 20:28

Ato 00
I'm not scared of the dark
Anastasia não se encontrava exatamente animada por ser convocada até a sede da Irmandade, mas quem seria o louco que estaria? Até mesmo a mulher que nunca conhecera seu lorde, ouvira falar de sua crueldade, e julgando pelos fracassos de seus seguidores mais antigos... Bem, ele não deveria estar em seu melhor humor. E tudo que conseguia pensar no momento em que aparatou próxima ao refúgio era em como conseguiria passar por aquilo.

Considerando as circunstâncias, até que tivera sorte. Seu turno no Ministério havia acabado há pouco, e estava ganhando as ruas trouxas quando recebera o chamado. Poderia ser desastroso se isso ocorresse dentro do nível 9, principalmente. O Departamento de Mistérios era provavelmente o mais arriscado para uma espiã. Ele continha os maiores segredos – desvendados ou não – do mundo mágico, e claro, era esperado de si e seus colegas o máximo de eficiência e perspicácia. O stress de seu trabalho estava acabando consigo, e parecia que tudo só iria piorar com a volta do chefinho.

Adentrara a sala de reuniões misturando-se com um grupo de homens que não se lembrava de já ter visto. A capa aveludada ajudava a cobrir-lhe a silhueta marcada pelo vestido preto e básico, e era certo que a bruxa adorava exibir suas curvas, mas não para aquelas criaturas nojentas. Contudo, os ignorou e manteve o andar elegante até a sala, onde se postou a espera de instruções de seu mestre.

Como o esperado, ele estava furioso. E seria cômica a forma como um homem tão franzino amedrontava uma sala repleta de homens-armário se Anastasia não soubesse quem ele era, se não soubesse quem todos ali eram, o que faziam e o significado daquela reunião. Algum imbecil que tentou interrompê-lo foi morto imediatamente. Quanta impulsividade! Mas ainda assim não conseguiu lamentar a morte do homem, apenas manteve a face inexpressiva enquanto aguardava o desenrolar da cena.

Sendo uma infiltrada, já esperava que o lorde pedisse informações a si, o que a surpreendera fora que nenhum dos outros chamados teve coragem de responder, deixando o silêncio causar um clima de pura tensão no ambiente. Tentando remediar a situação – ou ao menos melhorá-la – deu dois passos a frente antes de dirigir a palavra ao seu mestre:

- Como desejares, mi lorde. Estarei atenta.

Não havia muito que poderia contar-lhe, tanto pelo fato de ser nova em seu cargo quanto por sua seção ser uma das mais reservadas, mas disse-lhe o que sabia. O Ministério estava aparentemente monótono, não vira o ministro ultimamente – claro – mas ainda sim deveriam estar fazendo investigações, procurando os bruxos das trevas que poderiam ter sobrado. Ainda comprometeu-se a procurar possíveis informações em seu departamento, e que ficaria contente em servir em seus propósitos. Tudo isso exalando sua desenvoltura com as palavras, os lábios vermelhos não deixavam transparecer nervosismo em momento algum.


Lady
VESTINDO


Anastasia
Kinsky
Anastasia Kinsky
Anastasia Kinsky
Data de inscrição :
14/07/2015

Mensagens :
139

Idade :
30


Ficha do Personagem
Patrono: Pantera Negra
Ano Escolar: Concluído
Casa: Sonserina
RPG » Fantasma

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 00: Mudança de Planos Empty Re: Ato 00: Mudança de Planos

Mensagem por Alexia Hobb em Sab 19 Set 2015 - 0:47

MISS
LEXI
my mother told me that I would get myself killed.

maybe this time I'll win
Era sentada no alto duma árvore qualquer em Liverpool que Alexia se encontrava quando o desenho marcado em seu braço por livre escolha da ex-sacerdotiza tremulou e ardeu como quando seu mestre se encontrava em profundo furor. A velocidade alta e o quase inexistente intervalo entre as vibrações da tatuagem macabra sugeria pressa. O que a comensal não tinha naquele momento era pressa e sua atual posição era totalmente agradável naquele subúrbio violento enquanto aquela pobre mulher era violentada. Provavelmente trouxas, todos, pois o cheiro de magia usualmente reconhecível pelo olfato treinado da mulher empoleirada não se fazia presente.

A dor da marca aumentava e Alexia decidiu que era melhor ir logo ou poderia não ter mais vida o suficiente para ir a qualquer outro lugar. Antes, desempoleirou-se e, chamando atenção dos dois estupradores, apontou a varinha e o típico raio de luz verde os derrubou mortos. A trouxa ainda assustada, paralisada, tentou murmurar prováveis palavras de agradecimento, no entanto, uma onda de dor e agonia se perpetuou por seu corpo enquanto Viper gargalhava de prazer ao ouvir os gritos sofridos da mulher.

“Avada... Kedavra.” E mais uma vítima fatal foi feita. A bruxa gargalhava alto e ainda rindo se desfez em uma névoa assombrosa até que parou no refúgio escondido da organização das trevas a qual ela servia. Ainda em descrença do retorno de seu mestre, ela se fez presente na sala escolhida para as reuniões, curvou-se em reverência a seu lorde e assistiu quase inabalável à morte de um dos companheiros que falhara nos quesitos obediência e servidão. Recebeu uma missão fácil: manter sua aparência de fofoqueira do tabloide bruxo e arrancar o maior número de informações possíveis e de qualquer maneira. Para uma maldita cobra venenosa, qualquer um é presa e tudo que se quer, se consegue. Como uma caçadora com instinto assassino, Alexia tinha deleite em perseguir.

“Não lhe decepcionarei, milorde. Terás as informações que necessitas.” Durante outra reverência, não conteve um sorriso de, provavelmente, alegria. O lorde, sentado em seu trono, demandou informações atuais. “Milorde, não creio que informações úteis sejam o prato do dia. Todavia, tenho um pedaço de, digamos, ideia que talvez seja de sua apreciação.” A repórter deu dois mínimos passos à frente. “Digamos que devemos neutralizar as principais forças de defesa. Os aurores. E qual melhor maneira do que atacando suas famílias? Assim poderemos ter a chance de ter aurores a nosso serviço.” Alexia deixou a ideia a martelar com o mestre e se pôs novamente em sua posição original.


Alexia Hobb
Alexia Hobb
Data de inscrição :
28/06/2013

Mensagens :
34

Idade :
33


Ficha do Personagem
Patrono: Víbora Européia
Ano Escolar: Concluído
Casa: Corvinal
RPG » Adulta

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 00: Mudança de Planos Empty Re: Ato 00: Mudança de Planos

Mensagem por Lena Bonham em Sab 26 Set 2015 - 10:55


ATO 00

Aparatei na sala de reuniões lambendo os dedos enrubescidos, o sabor aflorava minhas papilas como um manjar dos deuses, meus olhos expressivos, estáticos e penetrantes observava cada um ali presente, meu sorriso sádico e maníaco era como um cartão de visitas de suma cordialidade carregava um saco de batatas com um conteúdo sinistro, minhas vestes negras estavam salpicadas com respingos de sangue, limpei minha boca vermelha com a manga longa do top que mostrava parte da minha barriga bem definida, onde no centro da roupa havia um bordado mal feito com a seguinte frase “vampiros sobrevivem, eu saboreio”.

- Quanto a mim milorde, qual minha tarefa? - Joguei o saco no chão e uma cabeça infantil rolou para fora dele, pus minhas mãos cruzadas em frente ao corpo e cruzei as pernas embora em pé, fiz uma angulação com a cabeça, era um gesto que pretendia ser meigo, mas estava longe disto afinal estava completamente ensanguentada. – Perdão meu senhor! – pus a cabeça no saco e dei um nó bem dado para nada mais cair dali de dentro – Estava apenas aumentando minha coleção de cabeças dissipadas, sabe como é um bom colecionador nunca deixa de investir em sua coleção... – arqueei meu corpo fazendo uma saudosa reverencia, olhei para minha lateral direita – Vamos Lizie, curve-se perante o mestre, ele está esperando uma boa educação! – me pus ereta novamente e saltitei pelo salão em busca de um lugar nas fileiras, meus braços se moviam delicadamente como se estivesse em uma dança enquanto meus dedos teclavam o ar com delicadeza.

- Lizie fique ao lado da senhorita Viper! E comporte-se nada de decapitação eles são nossos colegas... - Me pus ao lado da bela loira que trajava o vestido preto, olhei para ela com um sorriso macabro umedeci meus lábios com a língua, imaginando como aquela bela moça ficaria impecável em minha coleção, em seguida me voltei ao grandioso mestre e tentei manter o foco, ainda que eu insistisse em teclar o ar velozmente com a ponta dos dedos.    

@smoke

Lena Bonham
Lena Bonham
Data de inscrição :
24/09/2015

Mensagens :
13


Ficha do Personagem
Patrono: Não consegue conjurar um Patrono Corpóreo
Ano Escolar: Concluído
Casa: Lufa-lufa
AKB » Prisioneira

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 00: Mudança de Planos Empty Re: Ato 00: Mudança de Planos

Mensagem por Sheldon Killer Cavendish em Sab 26 Set 2015 - 14:50

e que a festa comece
M
Minha ira começou a ser aplacada quando vi que alguns de meus servos estavam muitíssimo bem colocados em importantes instituições pelo mundo bruxo afora. Eu precisava estender meus tentáculos o mais longe possível e embrenhar minha influência por todos os lados, países, continentes, por todo o planeta. Porém, para tal, eu necessitaria de informações, digamos, extra internas, de servos competentes e de ideias maravilhosas. Meu cérebro genial não pode trabalhar sozinho. Se eu quero ter o controle do mundo mágico, devo ter meu próprio exército.

“Boa ideia, Viper. Muito bem pensado.” Acenei displicentemente para que ela se afastasse de volta a seu lugar. Exatamente quando Fang entrou na sala. A garota tem o sangue frio necessário para o serviço, mas quente para a vida. Blá, blá, blá aqui e ali por parte dela enquanto eu maturava uma ideia que eu tive há alguns dias. O Profeta em muito falava de paz e do fim da Irmandade das Trevas e eu queria mostrar que eles estavam errados como de costume.

“Tá, tá. Silêncio. Fang, você vai matar Joan Clifford, a diretora de Hogwarts.” Que melhor maneira de dizer “Voltei!” do que assassinando a líder do castelo da Escola de Magia. “Por mais que eu aprecie mortes limpas, vou te dar um presentinho.” E fiz flutuar as mãos dela um punhal de cabo de osso enfeitiçado para não registar impressões digitais ou qualquer outro tipo de vestígio deixado pelo usuário. “Eu quero sangue. E trate de deixar um recadinho para que todos saibam que nós estamos aqui e estamos na ativa. Deixe meus cumprimentos a eles.” O sorriso macabro na face da garota me disse que ela faria melhor do que eu esperava.

“Viper, Lady, sei que vocês têm convites para tal festa. Façam com que Fang consiga entrar.” Por algum motivo, eu começava a me entediar. “Sem mais para o momento. Fiquem atentos às suas tatuagens e venham de imediato quando eu chamar.” Fazendo o mesmo gesto displicente com as mãos, dispensei todos. Não queria saber para onde eles iriam, se para Londres ou ficariam por ali pelo Refúgio, só não os queria mais em minha sala de reuniões.


Sheldon Killer Cavendish
Sheldon Killer Cavendish
Data de inscrição :
03/06/2013

Mensagens :
16

Idade :
46


Ficha do Personagem
Patrono: Formigas Correição
Ano Escolar: Concluído
Casa: Lufa-lufa
RPG » Adulto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 00: Mudança de Planos Empty Re: Ato 00: Mudança de Planos

Mensagem por Ohen em Qui 8 Out 2015 - 6:06

rp finalizada
dia 08.10.2015 às 06:06

bazinga!
Ohen
Ohen
Data de inscrição :
19/07/2013

Mensagens :
1118


Ficha do Personagem
Patrono: Nenhum
Ano Escolar:
Casa:
RPG » Administrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 00: Mudança de Planos Empty Re: Ato 00: Mudança de Planos

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum