The Last Castle - RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.
Parceiros
:: Topsites Zonkos - [Zks] ::
Codes e Graphics:
Afiliados


Créditos do Fórum
» Skin obtida em Captain Knows Best criado por Neeve, graças ao suporte e tutoriais de Hardrock, Glintz e Assistencial Forumeiros.
» Modificações na skin feitas por Daenwolff do fórum The Reckless.
» Agradecemos à Mel pelo Banner, background e imagens das categorias e fóruns.

» The Last Castle RPG é um fórum baseado no universo de Harry Potter, ambientado em terras sul-americanas, dando ênfase ao Brasil. Regras, sistemas e ambientações são de autoria da administração deste RPG e não podem ser replicadas em outros domínios, sem a devida autorização.

» Fórum idealizado por Ipupiara e reformulado por Anhangá e sua incrível imaginação para criar ambientações para o Mundo Mágico Brasileiro;
» Agradecimentos também à todos Administradores e Moderadores, antigos e atuais, por ajudarem a organizar e atualizar o fórum com suas ideias maravilhosas;
» Reinaugurado como The Last Castle em Dezembro de 2019.

Cabine dos Monitores

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Cabine dos Monitores

Mensagem por Sarff em Sab 18 Jan 2014 - 5:01

Cabine dos Monitores



Cabine dos Monitores Normal10




Todas as cabines são iguais, pelo menos elas foram construídas da mesma forma. Qualquer diferença é culpa dos alunos.

Cada cabine é capaz de suportar 6 pessoas, as mesmas tem sofás vermelho escuro aveludados com uma mesa retrátil junto a janela. O compartimento superior as cadeiras é possível guardar pequenas malas de mão e mochilas.

As paisagens vistas ao decorrer da viagem são inesquecíveis.


Thanks Maay From TPO.
Sarff
Sarff
Mensagens :
404

Data de inscrição :
30/06/2013

Idade :
1019

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cabine dos Monitores

Mensagem por Barbra T. L. Villeneuve em Sex 31 Jan 2014 - 17:03



EXPRESSO DE HOGWARTS
YOU'RE WASTING YOUR TIME
Não fora difícil encontrar uma cabine vazia, e isto era algo que Barbra não esperava. Carregando em suas costas uma pequena mochila, a garota arrastava uma mala, também pequena, fazendo leves rangidos no piso de madeira antigo e desgastado do trem. Fechando a porta de vidro e puxando as cortinas, sentira uma privacidade estranha que até o momento não havia encarado.

Passando as mãos que possuíam dedos finos, compridos e ossudos sobre o estofado dos bancos apenas para limpar qualquer resto de comida ou qualquer outra coisa que pudesse encontrar-se ali, a garota sentou-se, finalmente, e colocara suas coisas ao seu lado. Aliviada por finalmente estar acomodada, Barbra soltara o ar que havia prendido desde quando chegara a plataforma de embarque, tudo ficaria bem.

Estava cansada, claro, as mudanças foram todas feitas de forma rápida e repentina. A garota quase não conseguira respirar desde o primeiro momento que pisara no castelo Villeneuve, e, até o momento, adoraria que ninguém a olhasse virado, como fizeram até o momento. Era, acima de tudo, uma garota normal procurando fazer novos amigos, mas nem ao menos sabia como o fazer.

Revirando seus olhos e engolindo dissipando seus pensamentos turbulentos a garota engalfinhou-se com suas roupas, apoiando sua cabeça na janela do vagão, mantendo-se em silêncio. Enquanto contava sua respiração, sentiu o sono chegando e inevitavelmente não o superou. Dormia como um bebê, e assim seria até sua chegada em Hogsmeade.
all rights for rufo


Don't be afraid my darling
Barbra T. L. Villeneuve
Barbra T. L. Villeneuve
Mensagens :
31

Data de inscrição :
12/05/2013

Ocupação :
Estudante.

Idade :
21

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cabine dos Monitores

Mensagem por Jhessy Pierce Cavendish em Dom 19 Abr 2015 - 19:21


Plantinhas asquerosas!!

Já dentro do expresso, andei pelo corredor pedindo aos alunos que se apressassem em achar uma cabine para que os demais pudessem embarcar logo. Segurando a gaiolinha em que Floop estava junto a meu corpo entrei na mesma cabine em que viajei nos últimos três anos, sentei perto da janela, como de costume, coloquei a gaiola na bancada à minha frente e a abri, deixando meu pufoso pular em meu colo. Segurei-o imediatamente ao lembrar de quando o levei sem gaiola no ano anterior e ele saiu pulando pela cabine em cima de todo mundo. Infelizmente lembrei-me também da pessoa que sempre me ajudava a segurá-lo, das nossas conversas, das implicâncias, dos olhares e sorrisos.. Droga! Precisava dar um jeito de esquecer tudo aquilo. Concentrei-me em acariciar os pelos azulados de meu mascote enquanto o trem apitava e partia lentamente para longe da plataforma 9 ¾.

Diferente dos anos anteriores a cabine estava um tanto vazia, o que tornou a viagem entediante bem mais rápido que o normal. Após aproximadamente quarenta minutos sem nada para fazer além de cantar e jogar Floop nos bancos acolchoados o fazendo quicar sem parar não aguentei mais ficar naquela cabine. Ainda com minhas roupas comuns do dia-a-dia, agarrei meu pufoso azul num abraço de urso, como diria Derek, e me dirigi para fora da cabine. O segundo erro do dia.

Não dei nem o quarto passos no corredor quando ouvi uma conversa mais agitada que logo se transformou em gritos e correria. Correria não apenas de alunos, aliás. Criaturinhas pequenas perseguiam com suas perninhas alguns alunos pelo corredor. – Bulbooos! – gritou alguém e eu logo me toquei de que aquelas criaturinhas eram as mesmas que vinham lotando as páginas do Profeta Diário no último mês. Com o grito estridente que deram assustaram Floop de tal forma que esse conseguiu pular de meus braços na direção daqueles seres, dos quais alguns começaram a correr em sua direção. – Mas que coisa! Floop, volta! – meu mascote, graças a Merlin obediente, parou e eu, que já estava correndo atrás dele, o peguei de volta, tirando-o do chão no mesmo momento em que um dos bulbos pulou na minha perna. – Mas que droga! – praguejei, sacando minha varinha que estava presa  do lado direito por dentro de meus jeans. – Depulso! – já que ele estava perto o bastante (em cima de mim) foi fácil fazê-lo voar ao longo do corredor, e um garoto estava no extremo oposto a mim deu um jeito de jogá-lo para fora do trem. Mas as plantinhas eram realmente insistentes.. Vai querer se matar assim lá longe!   – Aguamenti! – criei chicotes d’água que agarraram os outros dois bulbos que se arrastavam em minha direção, jogando-as por uma janela aberta para fora do trem. Olhei assustada e irritada pela janela, e felizmente estávamos passando por uma alta ponte. Aqueles seres não voltariam para nos perturbar.. transformariam alguns peixes em gravetos primeiro. Passei de cabine em cabine para ter certeza que não havia mais daquela planta pelo trem, e em seguida voltei para a cabine. ”Melhor ficar aqui sozinha do que enfrentando plantas irritantes”

Prendi Floop em sua gaiola e deitei no banco, ainda tentando controlar minha respiração. Fiquei ali olhando para o nada por longos e longos minutos, imaginando quantas confusões essas criaturas estavam causando por todo o mundo e porque, levantando dali somente para me trocar. Percebi que muitos alunos também já estavam com seus uniformes. Estava anoitecendo.. Estávamos finalmente chegando em Hogwarts.



Jhessy Pierce Cavendish
Magic rules! Feliz, louca, empata e bipolar. Decidida e aventureira.

Jhessy Pierce Cavendish
Jhessy Pierce Cavendish
TLC » Artista
Mensagens :
1396

Data de inscrição :
14/05/2013

Ocupação :
Cantora

Idade :
24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cabine dos Monitores

Mensagem por Gary Villeneuve Lancaster em Sex 12 Jun 2015 - 11:31








Fim de Ano

Saída de Hogwarts



Abri a porta da cabine com um grande solavanco, ainda não tinha ninguém nela pra minha total felicidade com certeza os outros monitores haviam esta em outras cabines fiscalizando alguns alunos. Então me desloquei até o banheiro e troquei de roupa colocando uma calça jeans e uma camisa polo na cor vermelha e meu tão amado óculos escuros recostei a cabeça sobre o vidro e estiquei o pé sobre as poltronas na minha frente, eram incríveis como viagens daquele tipo me dava sono, aos poucos minhas pálpebras foram se fechando até eu cair no relaxante sono.

 



Cabine dos Monitores 25rmbdj





  Gary Brian Villeneuve Lancaster
  Mestre em DCAT – Animagia Ilegal – Nômade

Gary Villeneuve Lancaster
Gary Villeneuve Lancaster
Mensagens :
1384

Data de inscrição :
17/05/2013

Ocupação :
Coordenador de Hogwarts

Idade :
32

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cabine dos Monitores

Mensagem por Lily O. Lancaster em Sex 12 Jun 2015 - 23:35

Hogwarts
Indo para casa

Lily decidiu-se por primeiro ir a cabine, onde guardou seu malão vermelho escuro e de onde logo se retirou. Não tinha certeza se já deveria estar na cabine... Não a havia explicado muita coisa, portanto ali ela não ficaria. Caminhou pelo corredor cheio de gente em um silêncio anormal. Dava espiadas curiosas para as pessoas e para as cabines enquanto a locomotiva balançava-se, indo ágil em direção à Londres. Cerca de uma hora depois voltou para a cabine. mudando de ideia. Pediu licença aos que ali já estavam e encontrou um lugar próximo da porta, onde sentou-se, encolheu as pernas para cima do banco e buscou em seu bolso um aparelho de música bruxo, ligou-o e selecionou As Esquisitonas, colocou os fones em seguida e deixou o olhar perder-se na paisagem enquanto sorria escutando suas músicas, esperando para encontrar seus familiares.
Se encontraram, então, no parque da cidade
A Mônica de moto e o Eduardo de camelo
O Eduardo achou estranho e melhor não comentar
Mas a menina tinha tinta no cabelo



Lily O. Lancaster
Lily O. Lancaster
Mensagens :
1806

Data de inscrição :
21/10/2014

Ocupação :
Comandante Auror

Idade :
28

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cabine dos Monitores

Mensagem por Lily O. Lancaster em Ter 4 Ago 2015 - 22:04

Hogwarts
Ida a Hogwarts
Lily balançava a cabeça em alguma música não escutável enquanto abria caminho até a cabine dos monitores. Esquivava de alunos, malas e inúmeros animais. Animais... Lily queria trazer algum animal para lhe fazer companhia durante seu tempo na escola, entretanto gostava de cães e a cães a entrada não era permitida em Hogwarts. Uma grande bobagem, de fato era. Um cãozinho, bem educado como Lad - o cão do tio desaparecido - seria belíssimo te-lo em Hogwarts junto de si e não deixa-lo abandonado na Mansão Lancaster com seus adultos ocupados demais para o bicho. Estalou-se confortavelmente na cabine dos monitores e encostou o rosto no vidro gelado, enquanto o trem adquiria velocidade. Ora ou outra dando um olá para alguém que adentrava a cabine, mas seu pensamento estava disperso, quase como se a grifinória encontrasse-se sonhando acordada, no lugar do expresso, uma rápida e perigosa aventura voando nas costas de um hipogrifo. Como o fizera no seu primeiro ano no Intercasas. Permaneceu ali por mais algumas horas, sem adormecer apenas a imaginar, até que começaram a se aproximar de Hogwarts e a monitora grifinória foi procurar seus colegas para avisa-los da chegada iminente.
Gäh weg mit deim Greazeig Du oide Schpinodwachtl
Glabsd ja woi seiba ned, das i an Salod schbochtl
Brompt duads an Dog voa da Neiwahl an Schlog
Und auf da Kremess vo eam gibts an Wuaschdsalod



Lily O. Lancaster
Lily O. Lancaster
Mensagens :
1806

Data de inscrição :
21/10/2014

Ocupação :
Comandante Auror

Idade :
28

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cabine dos Monitores

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum